Categorias

Aproveite o post

Curiosidades

Inteligência emocional, saiba como ativar a sua na quarentena! 

Inteligência emocional, saiba como ativar a sua na quarentena!

A quarentena pelo coronavírus tem trazido inúmeras reflexões sobre a vida coletiva e individual de cada pessoa. Nesse processo, a inteligência emocional é fundamental para enfrentarmos bem os desafios, muitas vezes inesperados, que estão nos sendo propostos.

Tem sido um momento desafiador para praticamente todo o mundo, e nossa inteligência emocional tem grande influência em como iremos passar por esse período e como vamos ficar quando tudo isso acabar.

Naturalmente, nosso lado emocional do cérebro funciona com mais rapidez do que nosso lado racional, tanto na recepção de informações quanto na demonstração. Por isso, muitas vezes explodimos emocionalmente, enquanto nossa parte do cérebro racional ainda está processando os fatos. E muitas vezes, é a partir dessa percepção que entendemos a importância de ser conhecer bem a inteligência emocional e usá-la a nosso favor.

 

O que é Inteligência Emocional?

A inteligência emocional é a capacidade de entender em si próprio e no outro, a melhor forma de identificar e lidar com as emoções. A importância dessa consciência e capacidade é preponderante não só em momentos de crises e desafios, como nessa quarentena, como para toda vida. O resultado disso, serão relações mais saudáveis e decisões mais sóbrias, trazendo maior qualidade de vida e felicidade.

Ter inteligência emocional não significa não sentir sentimentos desagradáveis, como medo, raiva ou tristeza, mas saber identificá-los e lidar da melhor forma possível com cada um deles. É importante tomar consciência desses sentimentos, inclusive dos bons, para potencializá-los e, com os desagradáveis, respeitá-los mas, não permitir que desequilibrem nossa mente.

Você também precisa ser paciente consigo mesmo e ter momentos de escape. Tudo bem se em alguns dias você precisar dormir até mais tarde, deixar algumas tarefas para depois ou ter seu momento sozinho. Sobretudo, não permita que a culpa te prejudique, mas vá pouco a pouco aprendendo o porquê de cada decisão, no sentido de ir resolvendo as pendências e aprendendo a lidar consigo mesmo e com os demais ao seu redor, que também estão passando pelo mesmo desafio da quarentena. Portanto, empatia nesse momento é um sentimento que cura e aproxima.

Procure ter uma postura positiva assim que acordar, e lembre-se da importância de dormir bem. Tome um banho revigorante, vista uma roupa que goste e que te faça sentir-se bem, prepare uma mesa para o café, entre em contato com pessoas que você ama e programe a rotina do seu dia, mesmo que seja toda em sua casa. Mas, antes mesmo desse processo, fazer uma meditação ou exercício de respiração logo pela manhã, o ajudará a encarar melhor o dia. Pense positivamente sobre o dia, sinta seus sentimentos e tente colocar cada um em seu lugar, sem rejeição, mas com aceitação, organização e ressignificação.

 

Saiba usar a oportunidade de fazer o dia ser agradável, equilibrado e tranquilo. A responsabilidade de fazê-lo útil é apenas sua, mas não carregue essa responsabilidade como um peso, mas como um direito à vida, uma dádiva!

Compreenda que você faz parte do todo e tem sua importante contribuição. Entenda que você pode falhar, mas sempre recomeçar cada dia com a experiência do anterior, e isso deve te trazer mais ânimo! Agora, vamos aprender um pouco mais sobre os pilares da inteligência emocional.

 

Quais são os cinco pilares da Inteligência Emocional?

1 – Conheça suas próprias emoções

A Inteligência Emocional é um processo a ser percorrido, até obtê-la. A primeira importante compreensão é se conhecer e saber analisar suas emoções e sentimentos, além de observar sua resposta a cada estímulo, interno e externo, pois, esta identificação te colocará no caminho de aprender a se dar bem com eles.

Essa é a principal chave da Inteligência Emocional, que muitas vezes é deixada de lado: se conhecer é tudo! Não tenha pressa, mas não deixe de caminhar com propósito nesse sentido. Adote o hábito de anotar e refletir com paciência e profundidade sobre suas emoções, isso o ajudará a se conhecer melhor.

 

2 – Controle suas emoções

Sabemos o quanto é difícil controlar sentimentos negativos, como a ansiedade, por exemplo, que tende a se intensificar  na quarentena. Feito o primeiro passo para identificar os sentimentos e emoções, tente depois resolver a causa deles. Se não for possível, busque alternativas de resolver os problemas, pois a saída existe, basta você procurá-la. Nos momentos de mais tensão, faça algo que você goste, canalize sua energia para pensamentos e ações positivas, inclusive, falar sobre o que sente com algum amigo pode ajudar muito.

 

3 – Tenha automotivação

Respirar fundo e pensar bem antes de agir vai trazer a você muitos bons resultados. Pense com calma e bem consciente quais são suas metas e objetivos, para que você consiga analisar se sua atitude o ajudará a chegar nesse objetivo ou não. Tendo feito isso, você terá a motivação certa para agir da maneira mais adequada. Atente-se para o fato de que se você agir sob pressão, apenas usando suas emoções, sem identificá-las e conduzi-las corretamente, poderá se arrepender.

 

4 – Tenha empatia

Como dissemos no início, ao explicarmos sobre o que é a inteligência emocional, ela não diz respeito apenas a você, mas também ao próximo. Saber se colocar no lugar das outras pessoas e respeitar as emoções delas, o tornará não só mais conectado a elas, como mais propício a se conectar e respeitar a si mesmo. Se sua relação com as pessoas é sadia, você será mais sadio, pois vivemos em comunidade, e cada um tem sua parte no todo.

 

5 – Saiba se relacionar de forma interpessoal

Se você aplicar bem os passos anteriores, e, principalmente o último, você terá boas relações. Pois além de guiar suas emoções, poderá guiar as dos demais em relação a você. Se você está equilibrado, poderá ajudar a outros a também encontrarem esse equilíbrio.

Com uma boa inteligência emocional, você poderá resolver com mais facilidade os desafios da quarentena e ter benefícios por toda sua vida. A inteligência emocional diminui os níveis de ansiedade e estresse, assim como as discussões nos seus relacionamentos. Te dará mais clareza mental, fortalecendo sua autoestima e confiança, lhe garantindo uma vida mais próspera e feliz, sua e dos ao seu redor.

Então, você gostou de aprender um pouco mais sobre inteligência emocional, e como usá-la na quarentena? Observe os pilares e aplique-os à sua vida. Vamos passar por mais essa juntos e vamos sair dela melhores. Aproveite o tempo para aprender a como controlar a ansiedade na quarentena! Até o próximo post!

 

Esse post merece 5 estrelas?
[Total: 0 Média: 0]

Banner conteúdo 30 reais off plano anual Duo Gourmet

Deixe um comentário