Categorias

Aproveite o post

Curiosidades

Culinária italiana: conheça mais! 

Culinária italiana: conheça mais!

Famosa em todo o mundo, a culinária italiana é popularmente conhecida por suas massas e temperos saborosos. Afinal, como resistir a uma deliciosa lasanha ou mesmo a uma pizza que acaba de sair do forno? Mas você sabia que a culinária italiana vai muito além das massas?

Neste post, vamos conhecer um pouco mais sobre uma das culinárias mais populares no mundo, sua origem, influências e outras curiosidades.

 

Origens da culinária italiana

A culinária italiana sofreu diversas modificações e influências ao longo da história. Segundo pesquisadores, suas raízes podem ser traçadas até o século IV a.C.

Embora a Itália como conhecemos hoje tenha sido estabelecida somente no século XVIII, foi durante o período do Renascimento, entre os séculos XIV e XVI, que a culinária italiana se tornou refinada, sendo composta por antepastos, pratos principais e sobremesas. Foi também nesse período que surgiu entre os aristocráticos europeus a etiqueta de como se comportar à mesa.

Um fator que influenciou bastante a culinária italiana foi a sua localização geográfica. Vale lembrar que boa parte da Itália é banhada pelo Mar Mediterrâneo. Devido a isso, a cozinha italiana ganhou grandes traços da culinária mediterrânea, considerada atualmente como Patrimônio Imaterial da Humanidade pela Unesco, graças à rica combinação gastronômica, histórica e cultural.

A influência mediterrânea na culinária italiana se dá pela forte presença do azeite de oliva, temperos e especiarias, frutas secas, hortaliças, legumes, oleaginosas, grãos, cereais e pela enorme variedade de peixes e frutos do mar no cardápio, embora também existam muitos pratos à base de outras carnes, como as de vaca, porco, cordeiro, frango e pato.

Além da cozinha mediterrânea, há também fortes influências da cozinha francesa, árabe, espanhola e até mesmo chinesa. Ao contrário do que muitos pensam, o macarrão não surgiu na Itália, mas sim na China. No entanto, foi com os italianos que a massa ganhou maior fama.

 

Ingredientes da culinária italiana

Como se sabe, a culinária italiana é bastante rica, possuindo uma variedade de ingredientes básicos. O trigo é o principal ingrediente para a base de massas, pizzas e pães. Também existem muitos pratos à base de arroz. Entre as carnes, encontra-se uma variedade de peixes, frutos do mar, além das carnes de vaca, porco, cordeiro, frango e pato.

Também fazem parte dos pratos típicos italianos o azeite de oliva, azeitona, cebola, tomate, pimentão, abobrinha, berinjela, manteiga, queijos, temperos como orégano, manjericão, erva-doce, salsa, alecrim, sálvia, entre outros. E, para acompanhar as refeições, não pode faltar o vinho.

 

Pratos clássicos da culinária italiana

O cardápio típico italiano é composto por vários pratos. Inicia-se com os antepastos, iguarias antes da refeição principal. Depois, vêm os pratos principais, de massa, arroz, polenta, carnes ou pescados. E, para finalizar, sobremesas ou frutas da estação. Conheça alguns pratos clássicos da culinária italiana:

Bruschetta

Este conhecido aperitivo é servido antes da refeição principal. A receita original leva apenas torrada, azeite, alho, pimenta e sal. Mas há muitas variações, entre elas, a mais conhecida é a bruschetta de tomate e manjericão.

Carpaccio

Esta iguaria também é servida antes da refeição principal. O carpaccio consiste em finas fatias de carne ou peixe cru, temperadas com molho de mostarda, molho inglês, suco de limão, leite, sal e pimenta-do-reino branca.

Risoto

Servido como refeição principal, o risoto é um prato típico do norte da Itália. A receita original é o risoto de açafrão, que leva arroz, alho, açafrão e temperos a gosto. Há também variações, como o risoto de camarão, de cogumelos, à carbonara, entre outras.

Lasagna ou lasanha

Também servida como refeição principal, a lasanha possui algumas variações. Mas a tradicional e mais conhecida é a lasanha à bolonhesa, feita com camadas alternadas de massa, queijo e molho à bolonhesa.

Gellato

Sobremesa típica italiana, o gellato é bem semelhante ao sorvete tradicional. Possui os mesmos sabores do sorvete comum, porém possui uma consistência mais densa, os tradicionais são artesanais e não levam ingredientes artificiais. Sua receita leva menos açúcar e gordura.

Tiramisù

Doce típico italiano, muito saboroso. Consiste em camadas de biscoitos de champagne embebidas em café, entremeadas por um creme à base de queijo mascarpone, creme de leite fresco, ovos, açúcar, vinho e polvilhadas com cacau em pó e café.

 

A pizza italiana

Além dos pratos citados acima, não podemos falar da gastronomia italiana sem mencionar as pizzas. Ao contrário do que muitos pensam, a pizza, prato tipicamente italiano, não surgiu na Itália, mas sim no Antigo Egito.

Antes mesmo de a Itália ser o país que conhecemos hoje, os egípcios já utilizavam em suas receitas uma massa feita à base de farinha e água, muito semelhante à massa da pizza. Somente na Idade Média, com as cruzadas, essas receitas chegaram à Itália pelo porto de Nápoles, sendo incrementadas e dando origem às pizzas que conhecemos hoje.

Quando chegou à Itália, a pizza ainda não tinha o formato que conhecemos. Foi em 1889 que surgiu a primeira pizza redonda, com ingredientes que lembravam as cores da bandeira italiana: queijo (branca), manjericão (verde) e tomate (vermelha); para homenagear a rainha Margherita, e foi assim que surgiu esse sabor de pizza tão apreciado e clássico.

A partir de então, a pizza passou a ser bastante conhecida e difundida pelo mundo, ganhando muitas versões. No entanto, algumas podem ser listadas como as mais tradicionais:

Margherita

Criada em homenagem à rainha Margherita, possui o recheio de queijo mozzarella, tomate e manjericão.

Marinara ou Napolitana

Considerada como Patrimônio Imaterial da Humanidade pela Unesco, a pizza Napolitana original leva tomate, azeite de oliva, orégano e alho.

Ripieno ou Calzone

Pizza recheada com queijo ricota, queijo mozzarella especial, azeite de oliva e salame.

Formaggio e Pomodoro

Pizza recheada com tomate, azeite de oliva e queijo parmesão ralado.

 

Cafés, vinhos e queijos

A Itália também é grande produtora de cafés, vinhos e queijos. Foram os italianos que tiveram a ideia de juntar o café expresso ao leite, originando o tradicional capuccino.

Além do café, há muitas vinícolas em diferentes regiões do país, como a Toscana e Piemonte, cujos vinhos, conhecidos por sua alta qualidade, são exportados para todo o mundo.

E, por fim, há mais de 400 tipos de queijos fabricados no país. Dentre a enorme variedade, existem queijos feitos a partir do leite de vaca, ovelha, cabra e búfala, cada um com suas características únicas que dão bastante sabor aos pratos italianos. Alguns dos queijos mais conhecidos e consumidos no mundo são o mozzarela, mozzarela de búfala, provolone, gorgonzola, parmesão e ricota.

É difícil resistir à tentação da gastronomia italiana com tanta variedade e riqueza de sabores. Conte para a gente qual é o seu prato favorito e o que mais você achou interessante sobre a culinária italiana.

Você sabia que o guia de restaurantes do aplicativo Duo Gourmet possui uma seleção especial de restaurantes que servem culinária italiana de extrema qualidade? Além de tudo, você pode pedir um prato e ganhar outro de igual ou menor valor como cortesia. Baixe gratuitamente o aplicativo na Google Play ou na App Store, assine e aproveite!

Related posts

Deixe uma resposta

Required fields are marked *