Temos uma receita para fazer molho branco incrível. Vem com a gente!

A maioria dos molhos hoje mundialmente conhecidos datam da época de ouro da culinária na França, nos séculos XVII e XVIII, quando as casas nobres disputavam os grandes chefes de cozinha. Nesse tempo, os cortesãos e os próprios reis se gabavam de possuir talentos para cozinhar.

Foi em 1651 que François Pierre La Varenne, considerado um dos pais da cozinha francesa clássica, publicou o Le Cuisinier François, que introduzia a técnica doroux, molho de ligação feito com manteiga e farinha de trigo, bem próximo do que conhecemos hoje como molho branco ou bechamel.

Cozinheiros habilidosos inventavam novos molhos a cada dia, para aprimorar os banquetes reais e outras grandes ocasiões, batizando suas criações com o nome dos patronos.

O molho branco é o queridinho da cozinha de muita gente, super versátil se dá bem com quase todos os tipos de massas. É delicioso e bem prático de fazer, já faz parte da culinária brasileira.

Basicamente consiste em um molho que se coze com farinha, geralmente a de trigo, em um líquido, que pode ser tanto água, leite, vinho ou mesmo caldo de carne ou peixe. Também é necessário ter alguma quantidade de gordura, como por exemplo, azeite, manteiga ou margarina.

O molho normalmente é temperado com sal e especiarias ou mesmo misturado a pickles ou outros molhos, como mostarda e servido para acompanhar uma variedade de alimentos, como peixes, carnes e vegetais cozidos. Pode também ser usado como base para outros pratos mais elaborados, como os gratinados.

Assim como muitos molhos, o branco pode ser feito de diferentes formas, tendo variações também em seus ingredientes, agora vamos conhecer pelo menos três receitas:

 

Molho branco para macarrão

Como esse é um molho que vai muito bem com massas, essa receita pode ser uma ótima opção para um jantar a dois com um bom vinho.

 

Ingredientes

1 cebola pequena picada

1 colher de margarina

1 caixa de creme de leite

1/2 litro de leite

1 colher (sopa) de maisena

1 xícara de queijo ralado

pimenta-do-reino

1 colher (sobremesa) de sal

 

Modo de preparo

1-Em uma panela, derreta a margarina e acrescente a cebola, o sal e a pimenta-do-reino.

2-Quando a cebola estiver bem transparente, acrescente o creme de leite e misture.

3-Dissolva a maisena no leite e adicione ao molho.

4-Quando o molho estiver com uma consistência firme, desligue o fogo e acrescente o queijo, mexendo bem, para ele não grudar.

5-Sirva com macarrão ou arroz de forno.

 

Molho branco fácil

 

Ingredientes

2 Colheres (sopa) de manteiga

2 Colheres (sopa) de farinha de trigo

500 ml de leite

1 Pitada de sal

1 Pitada de noz-moscada

½ xícara (chá) de queijo parmesão ralado

 

Modo de preparo

1-Em uma panela quente adicione a manteiga e deixe derreter, junte a farinha de trigo e cozinhe por 1 minuto.

2-Depois junte o leite e tempere com sal, e noz-moscada e cozinhe em fogo médio misturando sempre sem parar até que comece a ficar cremoso.

3-Adicione o queijo parmesão ralado e continue misturando e cozinhando até que fique bem cremoso como um mingau.

 

Molho branco cremoso

Ingredientes

1 colher de sopa de margarina

1 cebola

2 dentes de alho amassados

2 copos (grandes) de leite

1 lata de creme de leite, com soro

sal e pimenta-do-reino branca

 

Modo de preparo

1-Doure na margarina a cebola e o alho.

2-Dissolva a farinha no leite.

3-Retire a panela do fogo e adicione o leite com a farinha dissolvida.

4-Bata no liquidificador.

5-Leve de volta ao fogo, mexendo até ficar cremoso.

6-Acrescente o creme de leite, sal e pimenta-do-reino.

7-Retire do fogo e bom apetite!

 

Algumas considerações:

Queijo: você pode usar outros tipos, mas precisa ter cuidado com queijos moles como mussarela que vai dar o efeito de bucha. O uso do queijo é opcional.

Leite: pode ser usado integral, ou outros tipos, inclusive leite vegetal ou sem lactose. No lugar da manteiga convencional, experimente trocar por manteiga de garrafa.

Maisena (amido de milho): você pode fazer com a maisena caso seja intolerante a glúten, é só diluir 2 colheres de sopa no leite antes de colocar na panela e cozinhar até dar o ponto.

Dica: você pode conservar o molho por até três meses no congelador ou quatro dias na geladeira: é só guardá-lo depois de frio em um recipiente de vidro bem vedado.