Categorias

Aproveite o post

Receitas

Como fazer torresmo a pururuca 

Como fazer torresmo a pururuca

O torresmo pururuca é um petisco muito popular e amado pelos brasileiros. Está presente em todos os bares e botequins, dos mais simples aos mais sofisticados, ou mesmo naquela roda de conversa de amigos em casa. Essa iguaria cai muito bem com uma cervejinha gelada, ou aquela caipirinha de responsa. Por causa desse sucesso todo, hoje vamos ensinar a como fazer torresmo a pururuca aí na sua casa.

O torresmo é nada mais do pele de porco com gordura, ou mesmo o toucinho com a banha, que são cortados em pedaços pequenos e depois fritos, ficando bem sequinhos e crocantes, e salgadinhos também! É muito apreciado acompanhado de mandioca, bem típico dos mineirinhos.

Conhecido em vários lugares do mundo, é um tradicional prato, tanto no Brasil, quanto em Portugal. A sua origem é na gastronomia dos portugueses, mas foi aqui que teve seu tempero aperfeiçoado pelos africanos. É muito usado na feijoada e no feijão tropeiro, mais brasilidade do que isso impossível!

Curiosidade: Algo semelhante ao torresmo é conhecido e consumido com o nome de gribenes, na gastronomia dos judeus asquenazes, mas ao contrário daqui, é feito de pele de frango.

 

Ingredientes

  • 1 quilo de torresmo em cubos, podendo ser toucinho ou panceta
  • ½ copo de óleo vegetal
  • Sal a gosto

 

Modo de preparo

Tempere o torresmo com sal e deixe repousar por aproximadamente 15 minutos para que absorva bem.

Esquente uma panela com óleo e quando estiver bem quente coloque os torresmos já picados, e frite até ficarem opacos, desligue o fogo.

Depois, leve à geladeira para esfriar e reserve a gordura.

Assim que o torresmo estiver frio e não gelado, volte com a panela ao fogo e esquente a gordura novamente. Assim que estiver bem quente, mergulhe os torresmos de novo e mexa até ficarem bem crocantes. Retire do fogo e deixe escorrer em papel toalha.

 

Finalmente seu torresmo pururuca estará pronto para servir! Fácil não é mesmo?!

Dicas: O ideal é cortar a barriga do porco em tiras com cerca de 2 cm de espessura e 3 cm de largura. Enquanto estiver fritando, mexa de vez em quando com uma colher de pau evitando que o torresmo grude um no outro! Com a gordura que sobrar você pode fazer outros pratos.

E então, conta pra gente se gostou da receita desse ícone da culinária boemia. Aproveite para conhecer o Nicolau Bar da Esquina, que serve vários pratos da tradição mineira, mas com aquele toque gourmet que encanta! E o melhor de tudo, é que nele, assinantes Duo Gourmet tem direito de pedir dois pratos principais e pagar apenas um! Confira!

 

3 receitas especiais que você também pode gostar

Torta de liquidificador - Duo Gourmet

Receita de torta de liquidificador

Receitas de torta de liquidificador são sempre práticas e muito fáceis de fazer. É ideal para os dias que você tem pouco tempo ou disposição para fazer algo gostoso. Por isso, o Duo Gourmet trás uma receita pra lá de saborosa e que você tem…

0 comments
Couve-flor gratinada - Duo Gourmet

Receita de couve-flor gratinada

A receita de couve-flor gratinada é uma carta na manga para aqueles dias em que não sabemos bem o que cozinhar. Porque além de deliciosa, a receita é muito fácil de fazer, e pode até ser um prato sofisticado. Vai agradar desde os paladares mais…

0 comments

Porquinho no milharal: conheça a receita do Chef Djalma Victor, do OssO

Qual a primeira coisa que passa na sua cabeça quando se fala em Minas Gerais? Sei que muitos vão responder pão de queijo com café. Errado não está, mas que tal se aprofundar um pouco mais nessa culinária? Hoje vim trazer uma receita que é…

0 comments

 

 

Related posts

Deixe uma resposta

Required fields are marked *